Loading...

Storytelling e conteúdo de marca

Storytelling é uma palavra em inglês que está relacionada com a narrativa, com a capacidade de contar boas histórias. A técnica, que há muito tempo vem sendo explorada pela publicidade, tem ganhado espaço também na comunicação empresarial. A capacidade de envolver as pessoas que interagem com uma marca é, sem dúvida, uma das ferramentas mais importantes da comunicação.

Na propaganda as histórias geralmente utilizam o conflito, o suspense, o mistério e o apelo emocional na construção de um discurso que se caracteriza pela intencionalidade. Não existem muitas limitações criativas para da Storytelling na propaganda, contudo, a técnica está cada vez mais presente na comunicação empresarial e quando falamos em gestão de conteúdo de marcas, é preciso ter bom senso e cuidado para trabalhar de forma ética, respeitando principalmente os limites da comunicação institucional.

Há alguns anos profissionais das áreas de Relações Públicas e do Jornalismo têm trabalhado a comunicação institucional para construção de imagem empresarial, considerando sempre a cultura organizacional e a história das organizações para construir a percepção de imagem de uma empresa. Mas com a ascensão de novas mídias e o aumento de trabalhos de gestão de conteúdo de marca temos um encontro entre a proposta livre da comunicação publicitária e o compromisso com a verdade da comunicação institucional. Neste momento o conhecimento das características de cada tipo de comunicação torna-se fundamental para que não se desrespeite o limite ético, o que pode transformar a Storytelling super criativa em um problema para a marca.

Na propaganda a criatividade, os personagens e a ficção são bem aceitos. Contudo, quando se trata da história de uma marca o consumidor quer conhecer também a empresa, seus valores e sua cultura. Neste caso, uma história inventada obviamente não terá uma boa aceitação. Cientes disso, bons gestores de conteúdo de marca trabalham para criar histórias envolventes, que utilizam narrativas interessantes e criativas para recontar a história real de uma empresa. Um bom exemplo disso é o vídeo institucional criado pela BBH para Johnnie Walker. São seis minutos de curta-metragem one shot com timing impecável e que relatam de forma simples e genial 200 anos de história.

Cristina Santos

Cristina Santos

Diretora de Planejamento e Conteúdo na Imageria

Posts Relacionados

Comentários

Newsletter